Não olhe para o lado!
22 de junho de 2020
4 super dicas para iniciantes:
6 de julho de 2020
Exibir tudo

O que torna uma técnica básica ou avançada?

 Hoje a proposta é fazer um blog mais “técnico”. Mas calma, não vai ser um passo a passo de como fazer uma chave de braço da guarda fechada, mas sim te ajudar a entender mais a forma que nosso esporte funciona. 

 Temos falado nas últimas semanas sobre como pular etapas pode prejudicar sua caminhada no Jiu Jitsu, e que independente da sua graduação, o foco no básico faz toda a diferença. 

 Mas como diferenciar um básico de avançado? Primeiro precisamos entender que o Jiu Jitsu tem seus fundamentos, tais como; alavancas, domínio de quadril, pegadas dominantes e etc. Se você dominou o quadril do adversário, seja com uma passagem acrobática, seja com uma toreada que você aprendeu na sua primeira semana de treino, o resultado é o mesmo, você passa a guarda e criar outras oportunidades. 

 Por aí percebemos que dizer que técnicas avançadas e acrobáticas funcionam mais, é errado. 

 Tudo depende do quão bem você faz cada uma delas. 

 Sabia que nos maiores campeonatos do mundo, o número de raspagens utilizando a guarda fechada é maior que de berimbolos?? 

 Finalmente respondendo a pergunta, qual a diferença? Vamos lá:

Básico: Todos conseguem aplicar, técnicas que podem se utilizadas com mais frequência pois não dependem de condições específicas ou atleticismo do praticante. São baseadas em fundamentos simples e geralmente vão direto ao ponto.

Avançado: Geralmente são a junção de vários fundamentos básicos, possuem mais etapas e exigem mais atleticismo do praticante e geralmente possuem mais variações e possíveis fins. 

 Em nossa escola procuramos trabalhar ambas, mas sempre com o foco nos fundamentos, pois como foi falado acima, técnicas avançadas nada mais são que a junção de fundamentos , domine bem estes e o restante virá naturalmente! Tudo no seu tempo.

 Espero ter ajudado, um forte abraço e até semana que vem! 

OSS 

Ajuda? Chat via WhatsApp